4 de fevereiro de 2015

RURÓPOLIS TERÁ TRÊS PORTOS DE TRANSBORDOS

  

Foi realizada hoje pela manhã, no Distrito Municipal de Campo Verde a Audiência Pública de apresentação do Relatório de Impacto Ambiental da construção dos portos de transbordos da CIANPORT, ODEBRECHT e BERTOLINI. A audiência foi presidida pelo Secretario Estadual de Meio Ambiente, Dr. Luiz Fernandes Rocha e contou com a presença do deputado estadual, Eraldo Pimenta; promotores de justiça de Itaituba., João Batista Cavaleiro de Macedo Junior e de Rurópolis, Elaine Nayde; prefeitos de Itaituba, Eliene Nunes e de Rurópolis, Pablo Genuíno, além de vereadores dos municípios de Itaituba e Rurópolis e representantes de entidades governamentais e não governamentais.O Secretario Estadual de Meio Ambiente, Dr. Luiz Fernandes Rocha fez um relato do objetivo da audiência e descartou a discussão em torno do impasse em que município está localizada a região do Santarenzinho.

Os representantes das empresas fizeram a apresentação dos relatórios de cada projeto. A CIANPORT vai gerar na fase de construção desta ETC em torno de 360 empregos e na fase de operação o numero de emprego estimado é 60 empregos. Já a ODEBRECHT vai gerar na fase de construção do seu porto 250 empregos e na fase de operação em torno de 210 emprego. A BERTOLINI, segundo o relatório apresentado, na fase de construção vai gerar em torno de 200 emprego e na fase de operação 100 empregos.
Vereador Peninha e Dep. Eraldo Pimenta na Audiência 

Em seguida, os presentes fizeram suas exposições, quando reivindicaram investimentos dos empreendedores para as comunidades de Campo Verde, São Raimundo e Santarenzinho. As principais reivindicações foram pavimentação das ruas da vila, delegacia de policia, feira do produtor, campo de futebol, praça, sinalização nas ruas e outras.
Vereador Peninha e Luiz Pagot - CIANPOT

Outra audiência pública foi reivindicada pelo prefeito de Rurópolis, Pablo Genuíno, para ser realizada em sua cidade, já que os portos serão construídos em seu município. Falando em Rurópolis, muitas foram as contestações da localização dos portos no município de Rurópolis. A verdade é que a prefeita de Itaituba, Eliene Nunes está reivindicando Santarenzinho para Itaituba, quando no mapa do IBGE aquela região fica localizada dentro do município de Rurópolis. Entretanto, mesmo que os portos sejam construídos dentro do município de Rurópolis, mas quem vai ganhar a grande parte dos investimentos de condicionantes serão as comunidades de Itaituba, principalmente Campo Verde. Esta questão é idêntica a da comunidade de Pimental, que o prefeito de Trairão, Danilo Miranda assumiu definitivamente este ano o controle da comunidade, mesmo contra a vontade da comunidade, que há anos Itaituba vinha mantendo. Santarenzinho há anos Itaituba vinha mantendo e Aveiro, a quem pertencia aquela área, nunca contestou, agora com a criação do município de Ruropolis, o prefeito Pablo está reivindicando o controle, principalmente com os empreendimento que vão acontecer ali.

Enquanto isto, o deputado Eraldo Pimenta, único parlamentar estadual presente na audiência, se comprometeu a levantar todos os dados no sentido de elucidar esta indefinição. Eraldo prometeu buscar junto aos órgãos uma solução definitiva para o caso de Santarenzinho, para que de uma vez por todas possa ser resolvido o impasse entre os municípios de Itaituba e Rurópolis. O parlamentar espera que estes investimentos possam trazer melhoria de vida para a população da região, gerando emprego e divisa aos municípios, assim como melhorar a infra estrutura, saúde , educação segurança publica da população.

Fonte : BLOG DO PENINHA 

Nenhum comentário:

CONFIRA ABAIXO NOTÍCIAS QUE FORAM DESTAQUE