11 de julho de 2015

Suspeito de envolvimento com crimes é executado a bala em Parauapebas

 


A Polícia Civil continua investigando o assassinato de Wanderson Sousa da Silva, 19 anos, morto com arma de fogo por volta das 22 horas da última segunda-feira (6), no Bairro Altamira, em Parauapebas. O crime ocorreu na frente da casa de uma amiga, Beatriz dos Santos.


Segundo informou Beatriz na delegacia, os dois foram vizinhos por aproximadamente oito anos no Morro Alto Bonito, de onde ela se mudou há cerca de dois meses. Desde então, Wanderson costumava visitá-la, principalmente aos finais de semana.


Ela diz não ter testemunhado o crime, mas conta que a vítima estava na frente de casa, por volta das 21 horas, conversando com outros quatro rapazes desconhecidos dela.


De acordo ainda com a amiga da vítima, meia hora depois ela saiu da frente da casa, trancou o portão e entrou em casa, de onde ouviu mais tarde quatro disparos de arma de fogo. Um vizinho bateu na casa dela e informou que Wanderson havia sido alvejado. Testemunhas teriam visto um veículo prata se aproximando e alguém efetuando os disparos de dentro do carro.


Conforme ainda a amiga de Wanderson, ele havia sido apreendido uma vez quando menor de idade por roubo e preso duas vezes após atingir a maioridade por tráfico de drogas. Há aproximadamente cinco meses a vítima havia recebido o benefício de liberdade condicional. Ela acrescenta ter ouvido boatos de que o amigo vinha sendo ameaçado de morte por um comparsa de crime.
A reportagem tomou conhecimento por populares que Wanderson Silva teria praticado um assalto que acabou dando errado e por isso teria abandonado o comparsa, que não perdoou a situação. 
 
Fonte : (Vela Preta/Waldyr Silva)

Nenhum comentário:

CONFIRA ABAIXO NOTÍCIAS QUE FORAM DESTAQUE