10 de setembro de 2015

BR 163 continua interditada no KM 30



Após ter sido interditada na terça-feira dia 08, a rodovia Santarém-Cuiabá (BR 163), no distrito de Campo Verde/Km 30, sentido Trairão, dentro do Município de Itaituba, continua interrompida por reivindicações para melhorias da estrada.


Os manifestantes têm como alvo principal o governo federal, mas também reclamam da falta de abandono a que estão submetidos pelo governo municipal. A principal pauta dos manifestantes é pelo asfaltamento do trecho da rodovia que passa em frente ao Distrito Campo Verde, mas outras reivindicações estão inseridas, num total de 13.





Filas quilométricas já causam preocupações -Foto Chiquinho





Os manifestantes querem que o município construa um sistema de micro abastecimento de água e coloque iluminação pública. Os moradores do Km 30 montaram uma boa logística de resistência com barraca e alimentação e não pretendem desocupar a rodovia enquanto de fato não houver um aceno concreto por parte dos governantes no atendimento das reivindicações na pauta de negociação.





Com o advento da nova economia dos Portos e aumento elevado do fluxo de carretas transportando grãos, o Distrito de Campo Verde sofre com a constante poeira, que causa transtorno aos moradores e aumenta os riscos de doenças respiratórias,principalmente nas crianças.





Quanto às pontes, o Denit informou nesta quarta feira (09) que esta sendo providenciada a licitação e, em relação ao asfaltamento do perímetro central do Distrito, há uma previsão de liberação de serviço paliativo que possa minimizar o impacto da poeira causada pelas carretas que por ali transitam diariamente e em grande número. Alguns itens que constam da pauta já haviam sido reivindicados antes, mas o DENIT nunca se posicionou, daí a decisão de interditar a Rodovia como maneira de apressar uma solução para os problemas. Os acidentes, alguns com vidas fatais, trazem medo aos moradores quanto à precariedade das pontes existentes.


A Associação de Moradores de Campo Verde, Associações de Miritituba, Câmara dos Vereadores de Itaituba, CDL Itaituba, Fórum de Entidades de Itaituba e outras entidades, inclusive a população, são solidários ao movimento já que os problemas não afetam apenas o Distrito Campo Verde, mas toda a região tendo em vista que a rodovia é ponto fundamental para o desenvolvimento da região. Mais de 20 entidades de classes estão apoiando a iniciativa dos moradores. E como demonstração desse apoio, uma comissão de moradores do Campo Verde esteve na Câmara Municipal de Itaituba usando a tribuna, quando colocaram item por item as reivindicações, deixando claro que as cobranças também está sendo feitas à prefeita Eliene Nunes que, segundo eles, abandonou literalmente a comunidade, que sofre todo tipo de carências, principalmente na saúde e infraestrutura.


Fonte / Blog do Norton Sussuarana / Postado por Nazareno Santos

Nenhum comentário:

CONFIRA ABAIXO NOTÍCIAS QUE FORAM DESTAQUE