31 de outubro de 2015

Final de semana sangrento com 04 mortes em Parauapebas



O último final de semana em Parauapebas foi marcado mais uma vez com mortes violentas. As vítimas são Jéssica Souza da Conceição, Evilásio Miranda Pinto, Wallace Abreu de Araújo e uma pessoa do sexo masculino até então sem identificação.


A adolescente Jéssica Souza da Conceição, de 14 anos de idade, morreu afogada nas águas do Rio Parauapebas, no último sábado (24), durante um acampamento em companhia do namorado e de alguns colegas.


Os familiares da vítima se revoltaram e chegaram a acusar o namorado da moça de homicídio, mas a suspeita foi descartada pela própria Polícia Civil.


De acordo com o delegado Paulo Junqueira, plantonista da 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil, o corpo da jovem foi retirado da água pelos próprios amigos, após perceberem o desaparecimento dela.


Jéssica Souza teria saído de casa na noite da última sexta-feira (23), em companhia do namorado, que é maior de idade, mas não teve a identificação revelada, para acampar nas margens do rio, zona rural do município de Itupiranga.


"Ao entrar na água, a adolescente encontrou uma vala, com certa profundidade, fazendo com que ela se afogasse, já que não sabia nadar. Os colegas acreditaram que ela estivesse brincando, mas minutos depois constataram que não era brincadeira, porque ela não retornou à superfície”, destacou Paulo Junqueira.


Duplo homicídio
Os corpos de Evilásio Miranda Pinto, conhecido por “Mangro”, e do homem sem identificação foram encontrados sem vida estendidos no chão na manhã de domingo (25), na Vila Paulo Fonteles, zona rural de Marabá. A dupla foi assassinada com disparos de arma de fogo.


Segundo a polícia, “Mangro” possuía passagem criminal por tráfico de drogas no Estado Pará. Uma motocicleta Honda Biz com a placa dobrada se encontrava próxima dos dois corpos. A polícia suspeita que a moto estivesse sendo usada para se cometer assaltos.


Acidente de trânsito
Já Wallace Abreu de Araújo morreu em acidente de trânsito envolvendo a motocicleta que ele pilotava e um caminhão na estrada de acesso à comunidade Rio Preto, a 15 quilômetros do centro de Parauapebas, no início da tarde de sábado (24). O motorista do caminhão desapareceu sem prestar socorro à vítima.

Conforme explicou a polícia, a vítima se deslocava de moto da casa de um irmão para a Vila Cruzeiro do Sul, quando colidiu com o caminhão. Wallace Abreu era solteiro e morava próximo de onde o acidente aconteceu. 

Fonte : (Vela Preta/Waldyr Silva)

Nenhum comentário:

CONFIRA ABAIXO NOTÍCIAS QUE FORAM DESTAQUE