16 de novembro de 2015

Continua estável saúde de segurança do prefeito de Parauapebas que sofreu acidente


 
Até o fechamento desta matéria, continuava estável a situação de saúde do policial militar Antonio Viana de Souza Neto, que integra a equipe de segurança do prefeito de Parauapebas, Valmir Queiroz Mariano.


Conforme apurou a reportagem junto à polícia, a caminhonete S10 (placa OTP 3013, Parauapebas) que Antonio Viana dirigia abalroou na lateral de uma carreta, colidiu com um caminhão e ficou completamente destruída. O acidente ocorreu por volta das 6 horas da manhã desta sexta-feira (13) na Rodovia PA 275, a 15 quilômetros do centro de Parauapebas.


Com a batida, o policial, que levava no banco de carona do veículo a mãe dele, ficou preso entre as ferragens. Foi preciso uma equipe do Corpo de Bombeiros cortar a lataria do veículo para fazer o resgate da vítima, que foi socorrida, consciente, e levada para o Hospital Municipal de Parauapebas, onde permanece internada em estado estável.


Segundo o Corpo de Bombeiros, a mãe de Antonio Viana não sofreu nenhum ferimento, uma vez que o sistema de airbag do veículo ajudou para que o impacto fosse amortizado e ela não sofresse nada grave, da mesma forma como diminuiu o trauma do motorista, que poderia ter sofrido lesões mais graves, se não fosse a proteção.


Ouvido pela reportagem, o motorista da carreta, Pedro Carmo da Silva, contou que trafegava no sentido Curionópolis e quando o policial, que vinha sentido Parauapebas, foi ultrapassar um caminhão que vinha à sua frente, acabou acertando a lateral da carreta que ele dirigia, vindo em seguida a colidir com outro veículo. Pedro disse ter tentado prestar socorro, mas viu que a vítima ficou presa nas ferragens e pediu ajuda a outro motorista, que acionou o Corpo de Bombeiros.

O comandante do 23º Batalhão da Polícia Militar, em Parauapebas, ten-cel. Sandro Queiroz, informou que o policial está à disposição da prefeitura, prestando serviço de segurança. "Os médicos estão avaliando a situação. Se não for nada mais grave, ele deve fazer seu tratamento aqui mesmo em Parauapebas", frisa o comandante. 

Fonte : (Vela Preta/Waldyr Silva)

Nenhum comentário:

CONFIRA ABAIXO NOTÍCIAS QUE FORAM DESTAQUE