4 de outubro de 2016

Morador de Salinópolis (PA) é condenado a quatro anos de prisão por divulgar pornografia infantil


Material foi apreendido em 2015

A Justiça Federal condenou um morador do município de Salinópolis, no nordeste do Pará, a quatro anos e seis meses de reclusão pela divulgação de vídeos de conteúdo pornográfico com crianças e adolescentes. 

O regime de cumprimento de pena estabelecido foi o semiaberto. A sentença, da qual cabe recurso, foi encaminhada para publicação na última quinta-feira, 29 de setembro. 

O material pornográfico foi encontrado pela Polícia Federal em fevereiro de 2015 na casa do condenado, em cumprimento de mandado de busca e apreensão. Foram coletados 408 vídeos contendo imagens de pornografia infantojuvenil, além de vídeo e imagens que o condenado havia compartilhado pela internet.

A denúncia do Ministério Público Federal (MPF) foi recebida um mês depois.

Ministério Público Federal no Pará
Assessoria de Comunicação

Nenhum comentário:

CONFIRA ABAIXO NOTÍCIAS QUE FORAM DESTAQUE