2 de janeiro de 2017

Polícia investiga duplo homicídio ocorrido na zona rural de Parauapebas

 
A polícia ainda não tem pistas seguras sobre o paradeiro dos assassinos que por volta das 10 horas da manhã desta quinta-feira (29) executaram com vários disparos de arma de fogo Benerval Pinheiro de Sousa, 49 anos de idade, natural de Governador Archer (MA); e Rafael Ferreira de Sousa, 22 anos.


Segundo a polícia, Rafael Ferreira era traficante e residia no Bairro Ipiranga, em Parauapebas. Ele foi executado com 21 tiros, junto com Benerval, em um barraco na invasão da fazenda Bucânia, localizada no Cedere I, zona rural de Parauapebas, a 32 quilômetros do centro da cidade.


De acordo com informações, por volta das 11 horas o Centro de Controle Operacional (CCO) foi comunicado sobre a troca de tiros, momento em que foi feito o deslocamento das guarnições e constatada a veracidade do fato.


A polícia investiga as informações de que os dois homens tenham sido mortos por acerto de conta.

Nos primeiros levantamentos, surgiu a informação de que Rafael Ferreira teria participação em dois assassinatos, um na cidade de Parauapebas, em que foi vítima um informante da polícia executado com mais de 30 tiros dentro do carro no Bairro Cidade Jardim, e o outro um policial militar morto a tiros em Marabá. Estas informações estão sendo averiguadas pela equipe da Divisão de Homicídio de Parauapebas.

Fonte : blog do Vela Preta  (Caetano Silva)

Nenhum comentário:

CONFIRA ABAIXO NOTÍCIAS QUE FORAM DESTAQUE